Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Bico de Gás



Quinta-feira, 30.04.09

Sentido de oportunidade

«A nova lei do financiamento partidário, hoje aprovada na especialidade, alargou para o dobro os valores que os partidos políticos podem receber em iniciativas de angariação de fundos.»

Credibilizando a democracia e o sistema partidário à portuguesa. Nos dias em que a corrupção está na moda, nada como tornar ainda mais denso e labiríntico o financiamento dos partidos. Podem apresentar as mais variadas razões para esta mudança legislativa, mas não tenham dúvidas, a imagem que passam tanto a AR como os partidos individualmente é só uma...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:28

Sábado, 25.04.09

Comecei o fim-de-semana com...


Deolinda (ao vivo) - Movimento Perpétuo Associativo
[não és só tu]
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 01:06

Sábado, 25.04.09

Coro da Primavera

Cobre-te canalha
Na mortalha
Hoje o rei vai nu
Os velhos tiranos
De há mil anos
Morrem como tu
Abre uma trincheira
Companheira
Deita-te no chão
Sempre à tua frente
Viste gente
Doutra condição

Ergue-te ó Sol de Verão
Somos nós os teus cantores
Da matinal canção
Ouvem-se já os rumores
Ouvem-se já os clamores
Ouvem-se já os tambores

Livra-te do medo
Que bem cedo
Há-de o Sol queimar
E tu camarada
Põe-te em guarda
Que te vão matar
Venham lavradeiras
Mondadeiras
Deste campo em flor
Venham enlaçdas
De mãos dadas
Semear o amor

Ergue-te ó Sol de Verão
Somos nós os teus cantores
Da matinal canção
Ouvem-se já os rumores
Ouvem-se já os clamores
Ouvem-se já os tambores

Venha a maré cheia
Duma ideia
P'ra nos empurrar
Só um pensamento
No momento
P'ra nos despertar
Eia mais um braço
E outro braço
Nos conduz irmão
Sempre a nossa fome
Nos consome
Dá-me a tua mão

Ergue-te ó Sol de Verão
Somos nós os teus cantores
Da matinal canção
Ouvem-se já os rumores
Ouvem-se já os clamores
Ouvem-se já os tambores
_______________________
Zeca Afonso
Cantigas do Maio
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:57

Sexta-feira, 24.04.09

Que novidade...

A esquerda está contra a promoção de Jaime Neves, a direita contra a promoção de Otelo Saraiva de Carvalho. Tudo previsível, cada um esgrime as suas razões (razões que nenhuma das partes realmente tem). As duas facções necessitam fazer as pazes com a história, ou correm o risco de ficarem imóveis destilando rancor.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:26

Sexta-feira, 24.04.09

sem título


ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:51

Sábado, 18.04.09

Mais valia estar calado...

«"Muitos dos que beneficiaram do status quo - e que tiveram um papel activo nesta crise financeira - continuam a ser capazes de condicionar as políticas públicas, quer pela sua dimensão económica quer pela sua proximidade ao poder político", afirmou Cavaco Silva na abertura do 4.º congresso da ACEGE (Associação Cristã de Empresários e Gestores).»

Cavaco Silva refere-se concretamente a quem? A Dias Loureiro? A Oliveira e Costa? A Daniel Sanches? A Miguel Cadilhe? A Ferreira do Amaral?
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:55

Sábado, 18.04.09

Bajulação partidária...

«O PSD voltou a ter um líder» - Pedro Santana Lopes no Sol.

O partido tem um líder sempre que este satisfaça os caprichos do menino guerreiro. Santana não passa de um sapo engolido por Manuela Ferreira Leite para a Câmara de Lisboa. Agora convém-lhe manter a imagem de seguidor da líder, esquecendo e julgando que todos esquecem, as birras, as acusações e as afrontas do passado contra a liderança Social Democrata, uma falta de solidariedade que se estendeu, como ele próprio refere, às lideranças de Mendes e Menezes. Nada de novo, o discurso de Santana Lopes soa a subserviência bacoca...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:58

Sexta-feira, 17.04.09

Inveja...

Mais um dia que passa e eu continuo sem ser indiciado no caso BPN.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:11

Quinta-feira, 16.04.09

Enough

Porque é tempo de encontrar um rumo para esta retalhada Europa, à deriva de soluções. É necessária uma determinada e determinante liderança que se consiga impor aos pequenos interesses nacionais, aos eixos, aos pólos, que defenda a participação dos europeus e a transparência nas decisões políticas. E Barroso não é nem nunca foi solução. Anyone But Barroso.
ASENSIO

p.s. - apoiar Durão Barroso por ser português? A Comissão Europeia não é o Campeonato Europeu de Futebol.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:14

Terça-feira, 14.04.09

And the winner is

Mais um dos já frequentes tabus Sociais Democratas que acaba num anticlímax. Para a líder do PSD, Paulo Rangel é uma aposta segura, Rangel é alguém da esfera de proximidade e apoio a Manuela Ferreira Leite, é alguém que tem vindo a ganhar protagonismo e respeito no partido. Mas evidencia uma dificuldade para a definição das listas às eleições europeias. Fora desta esfera de seguidores, lá para floresta de golpistas que preenchem grande parte do PSD, não há ninguém que Ferreira Leite possa apontar para a frente da lista, numa tentativa de controlar as ostes e unir o partido. Há aqui um espaço de manobra muito curto, para o PSD, que não pode dar-se ao luxo de deixar fugir mais estas eleições, e para Manuela Ferreira Leite, que não consegue demonstrar uma liderança forte para além dos companheiros que a seguem.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:29

Domingo, 12.04.09

Eat them...


«Eat the bankers? That sounds pretty yummy to me

Uma nobre variação da
Modesta Proposta [Wikipédia, Project Gutenberg] de Jonathan Swift.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:09

Domingo, 12.04.09

Pêndulo

«Na quarta-feira, José Sócrates foi peremptório: o Governo e o Partido Socialista apoiam Durão Barroso independentemente dos resultados das eleições para o Parlamento Europeu (PE). Era a reacção à "polémica" aberta com as afirmações de Vital Moreira no domingo, segundo as quais o grupo socialista no PE "deve propor o seu próprio candidato". Vera Jardim secundou-o, considerando, na terça-feira, ser "mais adequado" um candidato próprio do Partido Socialista Europeu (PSE). Capoulas dos Santos avisou, porém, ser necessário esperar os resultados das eleições.[···]»

A posição cambaleante do conjunto {PS,Vital Moreira} quanto ao apoio a Durão Barroso no limite é inteligente. Como abarca todo o espectro possível, do apoio ao desapoio ao actual Presidente da Comissão Europeia, nenhum potencial votante socialista se pode escusar a votar PS por discordar da posição oficial do partido (que não existe, existe apenas a do querido líder). Se conseguirem conciliar as duas visões e se os apoiantes admitirem esta esperteza saloia por andarem nos braços de Morfeu, o PS ainda será visto como um partido de grande inteligência estratégica. Alguém engole?
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:38

Quinta-feira, 09.04.09

O tubérculo

O torpe sempre-em-pé da política italiana é um imbecil, um néscio, um idiota, um inqualificável energúmeno, um ser ridículo sem categoria, é insultuoso no seu vomitado raciocínio, é uma abécula irresponsável, um poço sem fundo de inconsciência, um descerebrado, uma nulidade política, um incompetente social, um reles, um angustiante pateta:
[...] muito menos se pode encarar esta tragédia que atingiu as gentes de Abruzzo, com aquela frase cruel e, porventura, insensata de Sílvio Berlusconi a pedir aos milhares de pessoas desalojadas que encarem a situação "como de um fim-de-semana em acampamento". Há frases que "matam" mais do que a própria tragédia. O chefe do Governo italiano é pródigo em deslizes de cariz político, social e humano, como este. Tem perfil e currículo próprio para tal. E por isso, pelo "fraquinho" que tenho por essa maravilhosa Itália e pelo respeito aos italianos, talvez seja oportuno retorquir-lhe: deixe a Itália e os italianos e vá acampar.
______________________________
Paquete de Oliveira - Jornal de Notícias

ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:27

Quarta-feira, 08.04.09

Porreiro, pá!

«O primeiro-ministro explicou que o apoio que dá a Durão Barroso é um "apoio patriótico", porque considera que "é do interesse português ter um português à frente da Comissão Europeia"[...]»

As capacidades do actual presidente da Comissão Europeia foram postas à prova nos últimos anos com as consequências que se conhecem. E Sócrates parece agora não ter argumentos para defender a continuação de Durão Barroso na Europa para além desta vacuidade patriótica. Não há interesse português algum no apoiar Barroso pela sua tugalidade porreirista em detrimento dos seus méritos.
Este argumento é insuficiente, é ridículo. Não fosse Sócrates estar a falar de Barroso e o presidente da Comissão Europeia podia sair melindrado. Nada que duas compinchas palmadas nas costas não emendem...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:35

Domingo, 05.04.09

Freeport for Dummies


ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 02:26

Pág. 1/2



Creative Commons License


Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Abril 2009

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930