Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Bico de Gás



Domingo, 29.10.06

O Clássico ou o Neo?

Qual Constantino (com as devidas diferenças), Imperador de Roma, que conseguiu transpor esse império para o transcendente da igreja católica. Não acredito é que tenha o mesmo sucesso.

«O liberalismo é um produto do cristianismo e não é viável sem ele.» - professor Pedro Arroja

Muitos princípios e valores provêm do cristianismo, o liberalismo não teve exclusividade, o que torna
praticamente inútil esta primeira metade do mandamento. Esta serve apenas para tentar justificar a segunda parte, a parte que verdadeiramente interessa. E lá lê-se que sem a religião cristã não existirá liberalismo. É a tentativa de conjugar um princípio político-social, que como qualquer princípio é volátil e actualizável, ao divino, à religiosidade que sempre são mais duradoiros e resistentes à mudança.

Dito isto, quase nem preciso referir que não acredito nessa inviabilidade. Até porque muitos liberais abandonaram já todos os tipos de religião, alguns dos quais (neo-)liberais e pertencentes à trupe do Blasfémias que não abandonaram os seus princípios políticos por serem ateus ou agnósticos. Aliás, enquanto por estes dias existe uma crise na igreja e nos princípios cristãos, o (neo-)liberalismo vai "de vento em popa".
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 03:04


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Creative Commons License


Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Outubro 2006

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031