Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Bico de Gás



Quinta-feira, 09.06.05

Qual o cúmulo da Deslocalização?

Corrigir os exames dos estudantes ingleses, na Índia:

«Thousands of exam papers from England will be sent to India later this year as part of the marking process»

ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 00:05

Quarta-feira, 08.06.05

Gelatina

Treme, treme:

«Presidente do BPI crítica governo
“Fim do sigilo fiscal é um ataque à economia de mercado”»

Ó senhor presidente do BPI, apesar das tentativas, já sabemos que nos vossos privilégios ninguém toca. Aquele assomo de justiça de Jorge Coelho, dizendo que a banca também tem que pagar o défice, foi só para desviar as atenções de outras coisas. Não se preocupem porque, ou muito me engano, ou vai tudo ficar na mesma.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:15

Quarta-feira, 08.06.05

Ah pronto sendo assim

O Tribunal de Recurso de Santiago do Chile ordenou ontem o levantamento da imunidade de Augusto Pinochet, para que possa ser julgado por fraude fiscal, na sequência da descoberta de contas secretas pertencentes ao ex-ditador chileno nos EUA.»

Para o julgamento de fraude fiscal o homem está apto, para o das atrocidades está (sempre o foi) senil. Mais quais mortos, mas quais torturas, mas quais desaparecidos? O homem fugiu foi ao fisco...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:14

Terça-feira, 07.06.05

Porque vale mesmo a pena


Do Erotismo na Cidade (via O Jumento)

Manifesto Anti-Jardim

O Jardim não é flor que se cheire
O Jardim abre a boca e sai traque
O Jardim sofre de diarreia mental
O Jardim é um anormal.
O Jardim é Conselheiro de Estado
O Jardim é Presidente de um Governo Regional.
O Jardim dá pontapés na gramática
O Jardim dá pontapés na liberdade
O Jardim dá pontapés na democracia
O Jardim é um corta fitas
O Jardim só quer do continente... guita
O Jardim é uma anedota nacional.
O Jardim é Conselheiro de Estado
O Jardim é Presidente de um Governo Regional.
O Jardim gosta da dita...dura. A dele
O Jardim gosta da dita...mole. A dos outros
O Jardim enraba o Continente
O Jardim gosta de sexo anal.
O Jardim é uma aberração em democracia
O Jardim é um palhaço, é um embaraço
O Jardim é uma bufa e cheira mal.
O Jardim é Conselheiro de Estado
O Jardim é Presidente de um Governo Regional.
O Jardim chama bastardos, filhos da puta aos jornalistas
Quer castrar e calar a imprensa do Continente
Sabe que a imprensa dele cala e consente
O Jardim quer que os jornalistas lhe lambam as botas e beijem o cu.
O Jardim é um exemplo a seguir num país de cócoras
Um país de políticos moles, sem coluna vertebral.
Só um país com letra minúscula tem um Jardim!
Só um país com uma classe política minúscula atura um Jardim!
Se o país fosse maiúsculo
Se os políticos tivessem músculos no cérebro
Que é onde convém
Já lhe tinham dado um pontapé nos tomates
Já lhe tinham dado a independência!
Porque há limites e já não há paciência
Para este peido que empesta o ambiente
Que quando abre a boca chega o mau cheiro ao Continente
Para esta nódoa na politica nacional.
Chega de tanto disparate, tanto dislate, tanta ofensa
Aos portugueses que vivem no Continente
Quem não se sente não é filho de boa gente
E chamar bastardos e filhos da puta aos jornalistas
É um nojo. É impróprio. É indecoroso. É indecente
Porque o Jardim é Conselheiro de Estado!
Porque o Jardim é Presidente de um Governo Regional!

ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:16

Terça-feira, 07.06.05

Sorte a deles

«Londres congela referendo»

Grande coisa! Deviam era tentar congelar alguma coisa com o calor que se faz sentir por cá. De qualquer maneira, é mais uma vitória do nosso preponderante José Manuel Barroso, que, como presidente da Comissão, apelou continuamente a que nenhum estado membro tomasse uma posição unilateral. Chegou a resposta e não é boa. Resta a resignação (esta palavra pode ter dois sentidos, escolham o que mais vos aprouver).
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:11

Terça-feira, 07.06.05

A ferramenta Internet

«Marcelo Rebelo de Sousa lançou, ontem, o seu "site" a favor do tratado constitucional europeu.»

Para quando o “Sítio do Nim”?
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:59

Terça-feira, 07.06.05

Défice a quanto obrigas

Até é necessário pôr a banca a pagar impostos, ao que isto chegou...

«Banca e seguradoras perplexas com Coelho

"Bizarras". Foi desta forma que o presidente da Associação Portuguesa de Bancos (APB) classificou, ontem, as declarações de Jorge Coelho de que a banca e os seguros iriam ver os seus benefícios fiscais revistos para dar um contributo maior na diminuição do défice.»

Pois é, vai calhar a todos... não sei porquê esse espanto, ou esperavam ser poupados como têm sido até aqui?
ASENSIO

P.S. - qualquer dia, Jorge Coelho, que nem é parte integrante do executivo, está a anunciar medidas fiscais na "Quadratura do Círculo".

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:53

Terça-feira, 07.06.05

E chega?

«Rio quer uma década para dar vida à Baixa»

Tem até Outubro, depois disso ninguém garante nada.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:48

Terça-feira, 07.06.05

3000

Atingi o número 3000 e resolvi mudar a face d'O Bico de Gás.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 01:17

Segunda-feira, 06.06.05

Saber viver é vender a alma ao diabo

Gosto dos que não sabem viver,
dos que se esquecem de comer a sopa
((Allez-vous bientôt manger votre soupe,
s... b... de marchand de nuages?»)
e embarcam na primeira nuvem
para um reino sem pressa e sem dever.

Gosto dos que sonham enquanto o leite sobe,
transborda e escorre, já rio no chão,
e gosto de quem lhes segue o sonho
e lhes margina o rio com árvores de papel.

Gosto de Ofélia ao sabor da corrente.
Contigo é que me entendo,
piquena que te matas por amor
a cada novo e infeliz amor
e um dia morres mesmo
em «grande parva, que ele há tanto homem!»

(Dá Veloso-o-Frecheiro um grande grito?..)

Gosto do Napoleão-dos-Manicómios,
da Julieta-das-Trapeiras,
do Tenório-dos-Bairros
que passa fomeca mas não perde proa e parlapié...

Passarinheiros, também gosto de vocês!
Será isso viver, vender canários
que mais parecem sabonetes de limão,
vender fuliginosos passarocos implumes?

Não é viver.
É arte, lazeira, briol, poesia pura!

Não faço (quem é parvo?) a apologia do mendigo;
não me bandeio (que eu já vi esse filme...)
com gerações perdidas.

Mas senta aqui, mendigo:
vamos fazer um esparguete dos teus atacadores
e comê-lo como as pessoas educadas,
que não levantam o esparguete acima da cabeça
nem o chupam como você, seu irrecuperável!

E tu, derradeira geração perdida,
confia-me os teus sonhos de pureza
e cai de borco, que eu chamo-te ao meio-dia...

Por que não põem cifrões em vez de cruzes
nos túmulos desses rapazes desembarcados p'ra
[morrer?

Gosto deles assim, tão sem futuro,
enquanto se anunciam boas perspectivas
para o franco frrrrançais
e os politichiens si habiles, si rusés,
evitam mesmo a tempo a cornada fatal!

Les portugueux...
não pensam noutra coisa
senão no arame, nos carcanhóis, na estilha,
nos pintores, nas aflitas,
no tojé, na grana, no tempero,
nos marcolinos, nas fanfas, no balúrdio e
... sont toujours gueux,
mas gosto deles só porque não querem
apanhar as nozes...

Dize tu: - Já começou, porém, a racionalização do
[trabalho.
Direi eu: - Todavia o manguito será por muito tempo
o mais económico dos gestos!

*
Saber viver é vender a alma ao diabo,
a um diabo humanal, sem qualquer transcendência,
a um diabo que não espreita a alma, mas o furo,
a um satanazim que se dá por contente
de te levar a ti, de escarnecer de mim...
______________________________

Alexandre O´Neill
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 22:11

Segunda-feira, 06.06.05

Engraçado

É ouvir António Vitorino falar do "tempo de salto" no Basquetebol...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:51

Sábado, 04.06.05

Ó portugueses,

esse referendo à independência da Madeira sai ou não sai?
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 20:14

Sábado, 04.06.05

Legal mas não moral

Quando se pedem sacrifícios a todos.

Senhor primeiro-ministro, a questão da acumulação de reformas e vencimentos de certos ministros do actual executivo, seria suficiente para fazer cair um governo colado com saliva como foi o de Pedro Santana Lopes. O seu governo está, felizmente para o senhor, alicerçado pelo poder de uma maioria absoluta.

Outra coisa senhor primeiro-ministro, legítimo e legal não são antónimos de imoral. Não se pode escusar uma situação imoral por ela ser legal e legítima.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:26

Sábado, 04.06.05

Provérbio da semana...

Olha para o que eu digo nao olhes para o que eu faço[pdf].
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 18:06

Sexta-feira, 03.06.05

Spot on!

Esta é uma lógica que me ultrapassa também...

Será que o povo francês e holandês se desiludiu mais depressa pelo facto do seu governo ser de direita, aproveitando o referendo para o castigar? Será que Zapatero ainda não desiludiu os espanhóis por ser de esquerda, com preocupações sociais, ou será porque foi eleito há muito pouco tempo? Será que os governos de direita se desgastam mais facilmente em relação aos de esquerda? Fica a dúvida...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 23:26



Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Junho 2005

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930