Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Bico de Gás



Segunda-feira, 12.12.05

"Obviamente, demito-o!"

Mas, por muito que um possa ser a ridícula imagem de um salazar-arlequim o outro não é, nem de longe nem de perto, um Humberto Delgado:

«Francisco Louçã afirmou ontem na Madeira que destituiria Alberto João Jardim da presidência do Governo Regional em caso de graves perturbações no funcionamento das instituições.»
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:50

Sexta-feira, 09.12.05

Já?

Por aqui já se arranjam escusas para o caso de algo correr mal no debate de hoje. Angústias...
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:36

Sexta-feira, 09.12.05

Para quê mais debates?

Americanização dos debates dá nisto. São tantas as regras, os códigos, os temporizadores, os cronómetros, os metrónomos. Este é já o segundo que, com o seu desenrolar, se tornou cansativo, monocórdico, preguiçoso, plano, desinteressante, dormente, raso, inerte, insosso, monocromático, aborrecido, paralizante, árido, demorado, chato, insípido, macio, fastiento, lerdo, desengraçado, apático, indiferente. Se os outros seguirem o mesmo ritmo, não preciso do Alprazolan ao jantar.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 01:41

Quarta-feira, 07.12.05

Ora nem mais...

«Aguarda-se, a todo o momento, que Vitalino Canas se pronuncie sobre as ausências de António Vitorino e José Lamego, entre outros socialistas, na votação final do Orçamento do Estado.»

O dedo, de Paulo Gorjão, na ferida. Au! Ui!
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:54

Quarta-feira, 07.12.05

Ameaça à "sobrevivência" das editoras portuguesas

O maior problema dos Editores não é que a nova lei dos manuais escolares seja «uma forma encapotada de regressar ao livro único, próprio de regimes autoritários como o Estado Novo, e representa um atestado de incompetência aos professores».

A razão principal, portanto a que deveria ser apresentada de inicio, é que durante o período de vigência dos livros escolares, não haverá forma de aproveitamento, por parte das editoras, da necessidade básica de livros escolares. O problema não é, nem nunca foi, a qualidade dos livros ou das disciplinas, mas sim que o lucro não fuja por entre os dedos só porque alguém se lembrou de uma medida positiva (vamos lá a ver se chega a ser) para aliviar os gastos com o ensino.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:45

Terça-feira, 06.12.05

Cozinhados

«A Junta Metropolitana congrega os presidentes das 18 câmaras da Área Metropolitana de Lisboa. São estes que elegem, entre si, o presidente. E, até ao momento, foi sempre eleito um elemento da força política mais representada; aquela que mais presidências de Câmara tem. Mas, no próximo dia 12, tudo indica que será Carmona Rodrigues o escolhido por nove dos 18 presidentes; apesar de a CDU ter o maior número de câmaras (nove) e de o PSD só ter ganho quatro: Lisboa, Sintra, Cascais e Mafra. É que os restantes cinco votos provêm do PS; de presidentes das câmaras socialistas: Amadora, Loures, Montijo, Odivelas e Vila Franca de Xira.»

O balancear entre os dois partidos costumeiros tem destas coisas. Agora acham-se no direito de administrar a "democracia" entre eles, deturpando a vontade popular. Só falta acasalarem para, em Fevereiro, decidirem o Cavaco que nos querem espetar. Tenham vergonha!
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:59

Segunda-feira, 05.12.05

Anedota do dia [corrigido]

«Reconheço que Manuel Alegre é também um candidato suprapartidário.» - Cavaco Silva no debate da SIC com Manuel Alegre.

Cavaco Silva faz dos telespectadores do debate um grupo idiotas que nada entendem.

A verdade é que só há uma diferença entre as candidaturas de Soares e Cavaco. Soares apresentou-se depois de garantido o apoio do seu partido de sempre. Cavaco não precisou dessa garantia, pois conhece bem a lealdade e seguidismo canino que desperta no PSD. O afastamento do partido, que cultivou durante anos, não foi suficiente para distanciar a sua imagem da do PSD. E por isso, esta só seria uma candidatura suprapartidária se, alguma vez, Cavaco duvidasse da fidelidade dos Sociais Democratas. Não tente o Sr. Professor convencer-nos que alguma vez duvidou desse apoio.
ASENSIO

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 21:24

Pág. 2/2



Pesquisar

Pesquisar no Blog  


calendário

Dezembro 2005

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031