A Comissão Europeia considerou que a Galp, a Cepsa, a Repsol e a sueca Nynas, concertavam a fixação de preços na venda de betume utilizado no fabrico de asfalto, em Espanha.»

ASENSIO